Coisas do Coração - Qual a melhor escolha da sua carreira?



O escritor e historiador mineiro, Flávio Leão, concentra seu trabalho na Estrada Real. Esse era o caminho pelo qual o nosso ouro deixava o Brasil Colônia rumo ao império. Foi através daí que muitas cidades foram fundadas, convenientemente `as margens da estrada. Flávio percorreu a pé por várias vezes os principais trechos. Teve oportunidade de realizar uma importante pesquisa de campo sobre o assunto. Escreve sobre os valores históricos, culturais, aventureiros e ecológicos que surgiram na época e vivem até hoje. Atualmente trabalha em seu terceiro projeto.

Teve apoio da Lei de Incentivo a Cultura, RioTur, BeloTur, IBGE, IPHAN, IEPHA. O pesquisador soube fluir muito bem pelas curvas e voltas que a “estrada da vida” dá, sempre seguindo o caminho do seu coração. Em entrevista na FLIP, Feira Literária Internacional de Paraty, ele afirmou: “Antes mesmo do império grego, as duas profissões existentes eram: camponês ou guerreiro. Depois disso, as escolhas feitas por cada um, seguindo o coração, foram originando as outras profissões”. Para ele, qualquer profissional que queira ter sucesso deve seguir sua intuição, sua essência, independente das formalidades que a carreira exigir.

video

Pessoalmente, eu acredito que um profissional não alcança o sucesso sem amar o que faz. Ninguém pode estar plenamente satisfeito sem essa coerente escolha. Então, antes de qualquer coisa, descubra a sua essência. Encontre o que você realmente ama fazer, busque em seu coração e seja um profissional de sucesso, feliz!

Sucesso!

Juntos somos mais!

Para conhecer um pouco mais, acesse

http://www.estradareal.org.br/publi/publi_detal.asp?codigo=1422

http://www.estradareal.org.br/publi/publi_detal.asp?codigo=1406

http://www.youtube.com/watch?v=k2jWTgY8Uzc

6 comentários:

  1. E o frazão, tem razão... Por minha experiência...

    ResponderExcluir
  2. De fato,quem não ama o que faz, não tem prazer, vive infeliz. Mas há um tempo em que precisamos ser resignados e mesmo infelizes devemos seguir em frente. Aprendi que nem sempre nossas realizações, seja na vida profissional ou pessoal estão diretamente relacionadas ao sucesso no trabalho. Podemos nos realizarmos plenamente na realização dos nossos filhos.
    Lembre-se de que tudo na vida é relativo. Portanto, faça a "prova dos nove" e decida o que realmente vale a pena.
    Abração,
    Roberto

    ResponderExcluir
  3. PS:correção: Podemos nos REALIZAR...
    Abraço,
    Roberto

    ResponderExcluir

- Ouvidoria -